12.3.09

Viagens

Eu definitivamente não posso deixar que o mundo gire sem mim.

Minha alma clama pela liberdade que só o meu coração pode proporcionar e a minha mente trabalha ininterruptamente os prós e contras de toda e qualquer decisão que eu possa tomar nesse momento. Quando a alma, o coração e a mente resolvem se unir em busca da realização de um sonho não existe outra alternativa a não ser segui-lo em paz. Eles querem, muito mais que antes, cair no mundo de mochila nas costas para ver o que realmente faz sentido nessa vida.

Eu não posso me submeter a viver uma prisão que não é minha, pelo menos por esse momento. Eu não quero me trancafiar em um escritório pelo resto da minha vida, ter dinheiro, casa, carro, emprego estável e somente trinta dias disponíveis para viver tudo que eu preciso... Eu não posso fazer isso comigo. Agora não é momento, não faz sentido.

O mais estranho é a forma como tudo acontece no tempo certo, como se fosse um sinal verde ...
...

5 comentários:

  1. A famosa prisão sem paredes, nem barras de ferro.
    E a juventude dentro de você gritando, como sempre.

    ResponderExcluir
  2. O tempo certo... é o mais dfícil de encontrar...
    beijo
    .

    ResponderExcluir
  3. Estes momentos de lucidez são importantes,né?
    Dá medo..mas, é uma saída e um começo...
    Preciso disso!
    Beijos

    Dani (faxina)

    ResponderExcluir
  4. "Ufa!" Acho que isto está bem lá no final do texto, seu desabafo é válido²!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. o tempo é sábio.

    e eu me sinto como voce, o espirito livre... eu nao sei o que sera de mim no dia que eu tiver que bater ponto e contar os dias, nao sei mesmo o que eu vou fazer quando nao puder programar viagens aleatorias e fazer mil planos.

    queria viver disso.

    beijo*

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)