26.9.09

Werther

"Tudo quanto se acha fora de nós parace mais belo, e todos os homens mais perfeitos que nós. E isto é natural porque sentimos demasiado as nossas imperfeições e os outros sempre parecem possuir precisamente aquilo que nos falta. Em consequência, nós lhe acrescentamos tudo quanto está em nós mesmos e, para coroar a obra, concedemos-lhes também certa facilidade miraculosa que exclui toda idéia de esforço. E êis esse bem aventurado mortal convertido num conjunto de perfeições por nós mesmos criadas.

Ao contrário, quando perseveramos em nossos próprios esforços, apesar da nossa fraqueza e dificuldades, progredimos mais lentamente na porfia onde outros empregam vela e remo... Em suma, a gente sente o que vale quando alcança os outros na reta, ou mesmo os ultrapassa."

[Johann Wolfgang Von Goethe: Werther - Carta de 20 de outubro de 1771 - p.80]
...

5 comentários:

  1. verdade.
    a gente vive a nos testar
    muitas vezes a ser tão o mais q outro
    quando na verdade já somos nós e isso basta a nossa maneira
    cada um com suas falhas lustrosas.


    eis um livro que está na minha lista há tempos pra ser lido...

    beijos

    ResponderExcluir
  2. eis um dos melhores livros que já li..
    não me recordava deste trecho. Ótima escolha...

    ResponderExcluir
  3. Hummm
    Vou pensar nisso...
    alcançar e ganhar..difícil isso!
    beijos

    Faxina

    ResponderExcluir
  4. Trecho muito bom. Deu vontade de ler o livro.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)