19.8.11

#16

Eu sempre tive a sorte e o privilégio de conviver com pessoas que cozinhavam maravilhosamente bem e talvez por isso, durante muito tempo, eu tenha negligenciado bastante a minha veia culinária. Minha mãe é uma cozinheira de mão cheia, como dizem por aí, e meu irmão é um caso excepcional de talento culinário. Baltazar também é excelente e, com certeza, o tempero dele é bem melhor que o meu.

Na minha casa, a sala de estar estava sempre vazia enquanto a cozinha se tornava o cenário principal de acolhimento aos convidados. O meu papel durante todo esse tempo foi de uma simples ajudante e coadjuvante. Casa de ferreiro, espeto de pau? Não necessariamente. Eu só não tinha muita vontade de cozinhar enquanto os outros se divertiam enquanto preparavam os mais variados pratos e sobremesas maravilhosas e impecáveis.

Meu pai um dia me surpreendeu e surpreendeu alguns amigos que passavam uns dias em nossa casa. Quando soube que nós planejávamos viajar ele entrou em pânico, como qualquer pai entraria, e alegou que essa história não daria muito certo. Como é que eu iria viver longe de casa, em outro país? Eu não sabia nem cozinhar!

Ele estava um pouco enganado, mas eu não o culpo. Ele jamais havia me visto cozinhando antes e, portanto, não poderia saber que eu também tinha lá os meus dotes secretos. Precisei provar que ele estava errado e a prova ficou tão gostosa que passou a ser um dos pratos favoritos dele.

Aos poucos tenho me envolvido um pouco mais nesse universo e a cada dia aprendo uma coisinha ou outra que me deixa muito feliz, e que me deixa com muita vontade de ser tão boa quanto a minha mãe, o meu irmão e o meu Baltazar. Não posso deixar de citar as minhas avós! Comida de vó é uma das grandes maravilhas desse mundo, não é verdade?

É por isso que o Blog conta com uma categoria chamada “entre assados e cozidos”. Nela eu pretendo dividir com vocês as minhas grandes aventuras nesse mundo mágico do fogão e companhia. Também podemos trocar receitas, algumas dicas e compartilhar as novidades que provamos nesse mundo maravilhoso do “fish and chips”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)