24.4.12

Primeiro Ato

Depois de tantas tentativas, finalmente se convenceu de que não adianta fingir que a vida é um faz de conta de dias contados. A verdade é que a máscara pesa e que a fantasia se corrói com o tempo. Até o espelho, velha testemunha do seu narcisismo doentio, denuncia violentamente cada ato do passado. Mais cedo ou mais tarde a pele verdadeira aparece, envelhecida e marcada por uma vida de irrealidades. 




---
ps: Não se enganem. A verdade - por mais que demore - sempre aparece. :)

7 comentários:

  1. E tem verdade que seria bom nem chegar a aparecer.

    ResponderExcluir
  2. Ah, como eu gosto do que você escreve aqui!
    E concordo plenamente...
    Como diria o ditado, a mentira tem pernas curtas!!!

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Ah, como eu gosto do que você escreve aqui!
    E concordo com tudo o que você disse!
    Como já diria o ditado, mentira tem pernas curtas (igual eu...)

    Bjos

    ResponderExcluir
  4. é sempre assim
    as pessoas usam máscaras.
    digo apenas que algumas vezes
    elas são necessárias

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)