13.5.13

Let it be


Tudo que eu mais queria nesse momento era poder relaxar, entregar todas as decisões nas mãos do destino e deixar que, de um jeito ou de outro, a vida siga o seu curso do jeito que pode ou que deve ser. Apesar da minha total consciência de que todo esse estresse que eu venho sentindo nos últimos meses é inútil e que Murphy está aí para bagunçar lindamente todos os nossos planos, minha preocupação com os próximos passos não me deixa dormir.

As saídas que eu encontrei para seguir em frente, aparentemente, eram todas erradas e essa caminhada cega pelo labirinto me levou a um beco sem saída. Não sei se devo voltar e refazer o caminho, se devo pular o muro, se devo me acomodar no chão e dormir por aqui mesmo. Não sei. Só Deus e eu sabemos o quanto tenho tentado, mas ainda é cedo para colher os frutos dessa jornada. 

7 comentários:

  1. Se Deus já sabe como você tem tentado, agora conta a Ele como você está cansada de sofrer e de se preocupar tanto procurando saídas. Beijo, flor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preciso ser mais paciente porque eu sei que Ele sabe. É que de vez em quando bate o desespero quando acho que estou no caminho errado... :~~

      Quanto ao outro comentário, a simpatia é recíproca desde o início. Engraçado.
      Obrigada pelo carinho <3

      Excluir
  2. Eu também quero deixar tudo tomar seu curso natural, acontecer naturalmente, mas sou muito impaciente, inquieta, quero tudo pra ontem. Beijos


    Mundo de Nati
    @meuamorpravoce

    ResponderExcluir
  3. Não sei exatamente o problema então não vou opinar sem saber o objetivo auhauahuaa, mas percalços são normais, em quase toda a vida. Perdemos paciência, mas ganhamos tolerância... um pouco de fé é bom, mas correr atrás dependendo do quê faz diferença.

    Kisu!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)