25.5.14

Das tréguas

Berlim é um lugar incrível em qualquer estação, mas a primavera consegue deixar a cidade ainda mais linda e irresistível. Amo esses dias longos, esse sol brilhando nos olhos das pessoas e esse calor que faz com que eu me sinta em casa. Mergulho no azul do céu como se fosse mar e de repente tudo fica bem.

Eu vejo a vida acontecendo ao meu redor e me dou conta da insignficancia de todos os problemas. É simplesmente incrível caminhar pela cidade admirando as fachadas cobertas de flores, poder deitar na grama, aproveitar o verde dos parques, admirar os diferentes estilos circulando no mesmo espaço. Tantas cores, roupas leves, bicicletas, crianças, sorvetes, feiras e frutas.

A primavera mais uma vez me mostrou que a vida sempre dá o seu jeito e que a vida segue em frente, apesar dos obstáculos. Tenho me apegado as coisas boas de cada dia e tentado encarar todos os desafios de uma maneira mais leve. Sim, ainda nessa luta em busca da leveza porque a guerra comigo mesma continua firme, mas o corpo mais uma vez pede trégua e o tempo que se encarregue de mostrar uma solução.


15.5.14

Dos votos

"Eu tenho um blog inteiro escrito para você." Foi o que eu disse ao revelar que não havia escrito nada de especial ao renovar os meus votos e assinar o texto-contrato que perguntava se eu estaria disposta a seguir em frente e encarar mais dez anos de união.

Chorei, como sempre, porque é impossível não se emocionar ao ler a alma de alguém impressa no papel. Tantas histórias, tantos medos, tantos sonhos tão nossos e tudo isso já são dez anos. Dez anos! Parece que foi ontem, parece que começou agora.

Nunca foi perfeito. A diferença é que a gente decide seguir sempre junto.