1.8.14

Dos gostos

Sempre me afeiçoei a agosto, aos dias de sol e vento correndo forte pelas ruas da cidade, à volta às aulas, a felicidade de voltar à minha rotina e de encontrar as pessoas que eu gosto. Eu sempre imagino que se agosto fosse uma pessoa, seria uma daquelas que sofreram bullying o tempo inteiro na escola, só por conta de uma rima infeliz. Triste sina de tantos nós.

Esse agosto chega mais uma vez como uma brisa, um suspiro de alívio agradecido para o calor dos meus dias. É desde sempre um mês de finalizações pessoais, de conclusões e de muitos recomeços. É também o mês do meu aniversário e um mês de recheado de lembranças felizes. Agosto não representa nada de ruim e, para mim, é um mês que me dá gosto de viver. 

Um comentário:

  1. Olá! ^^

    Eu gosto muito desse mês. Gosto dos ventos fortes e gosto até do mistério que pretende assombrar agosto, mas nem consegue. Mês do aniversário do meu avô (dia 11), que eu tanto amo... Gostei de saber que é o seu mês também! Concordo muito contigo que é um tempo de renovações... Que seja, esse agosto, um tempo de gostar... ;)
    Beijooos!
    M.
    CaseiComOMundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário! :)